´Faltou competência´, critica Cacá, sobre o cancelamento do Carnaval

Cacá Colchões
Reprodução

Pré-candidato a prefeito de Ilhéus pelo PP, o empresário Carlos Machado, o Caca Colchões, atacou a decisão do atual prefeito Mário Alexandre de não promover o carnaval deste ano. "Afirmar que não vai realizar os festejos porque investirá os recursos na saúde e educação é uma grande mentira", escreveu nas redes sociais. Segundo ele, os recursos para a saúde e educação têm fontes próprias e não poderiam ser usados para realizar o evento. "Com uma balela para enganar a população ilheense, o prefeito Mário Alexandre destruiu o Carnaval - uma das maiores tradições de Ilhéus. O que faltou não foi dinheiro e, sim, competência", afirmou.

De acordo com Cacá, "a falta de planejamento do atual governo foi fundamental para essa decisão. Não podemos esquecer a importância que o Carnaval tem na geração de emprego e renda. Ilhéus tem um potencial turístico enorme, precisamos saber explorar as belezas naturais de nossas cidade e também manter viva as tradições". Ainda na opinião do pré-candidato, a não realização do carnaval é uma perda enorme para a população ilheense.

Esta semana o prefeito cancelou a realização da festa, alegando que os recursos que seriam gastos no carnaval, deverão ser aplicados em setores mais nevrálgicos da administração, a exemplo da educação e da saúde. Prometeu uma grande festa, para compensar, em junho, quando o município faz aniversário e sua campanha para reeleição fica mais próxima de ser lembrada, com entrega de obras do governo da Bahia e a presença de artistas do primeiro escalão do Brasil.

pompy wtryskowe|cheap huarache shoes| bombas inyeccion|cheap jordans|cheap air max| cheap sneaker cheap nfl jerseys|cheap air jordanscheap jordan shoes