O saboroso caminho da Estrada do Cacau e do Chocolate

O Governo da Bahia e a Associação de Turismo de Ilhéus (ATIL) iniciaram a sinalização da “Estrada do Cacau e do Chocolate”, a BA 262, que interliga os municípios de Ilhéus e Uruçuca, no sul do estado. Os trabalhos foram iniciados com a instalação de marcos temáticos e de um container, que vai funcionar como Posto de Atendimento, na região do Distrito Industrial de Ilhéus.

A Prefeitura de Ilhéus inicia ainda esta semana os trabalhos de sinalização da área, que destacará a identificação do portal e do Posto de Atendimento e vai implantar uma fossa séptica para a destinação de resíduos orgânicos no sanitário que será instalado no local.

Segundo previsão do secretário municipal de Turismo e Esporte (Setur), Roberto Lobão, a próxima etapa da implantação do projeto consiste no cadastramento dos atrativos identificados na extensão da rodovia. Este trabalho será coordenado pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), com apoio de outras instituições, a exemplo da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), Instituto Biofábrica, Ilhéus Convention Bureau, Atil, Ceplac, IF Baiano e Prefeitura de Ilhéus.

Lobão explica que para além da extensão da rodovia, a sinalização dos equipamentos só ocorrerá após esta etapa de cadastramento e capacitação dos responsáveis. A expectativa é de que este conjunto de ações esteja concluído no primeiro semestre de 2018, com a definição da formatação do produto, do cadastramento de fazendas, identificação de potencialidade e possíveis ofertas de serviços.

O projeto desenvolvido através de uma parceria da Secretaria Estadual de Turismo, Atil e Prefeitura de Ilhéus criou um roteiro turístico, entre os municípios de Ilhéus e Uruçuca, que passa pelas fazendas de cacau e permite o turista visitar a rota de fazendas,  conhecendo a história da saga cacaueira e o processo de produção de cacau gourmet. Para o secretário estadual de Turismo, José Alves, o interesse na fazendas já existe por causa do imaginário gerado mundo afora pelos romances de Jorge Amado. A ideia é que os antigos casarões possam servir não só como lugar de hospedagem, mas também como local para eventos.

A rodovia temática localizada da BA-262 conta com fábricas do parque moageiro de cacau, no Distrito Industrial de Ilhéus, fazendas e fábrica de chocolate, estação Rio do Braço, sede do antigo distrito de Ilhéus e a Biofábrica do Cacau. Na opinião do secretário de Turismo e Esportes de Ilhéus, Roberto Lobão, a “Estrada do Cacau e do Chocolate” consiste na formatação de circuito turístico que inicialmente abrange os municípios de Ilhéus e Uruçuca. Para Lobão, a instalação dos portais temáticos de marco zero ao longo da BA-262 visa identificar e sinalizar o empreendimento turístico. O governo do estado pretende estruturar o funcionamento da “Estrada do Cacau e do Chocolate” para esta estação, para ser o primeiro roteiro turístico temático da Bahia que abrangerá de início os municípios de Ilhéus e Uruçuca, por conta da sua potencialidade histórica nos cenários das fazendas de cacau e as belezas naturais em todo seu trajeto.