Obras da antiga maternidade Santa Isabel são paralisadas

Prédio tem obras paralisadas
Arquivo

Em primeira mão. As obras de recuperação da antiga Maternidade Santa Isabel, em Ilhéus, onde vai funcionar um moderno centro médico e empresarial do município, foram paralisadas há dois dias, sem tempo determinado para a retomada. Segundo informações obtidas pelo Jornal Bahia Online, há 20 dias a obra vinha sofrendo críticas dos trabalhadores da construção civil, com atraso no pagamento de salários e a crise aumentou na última quarta-feira quando foram anunciadas algumas demissões no canteiro de obras. "Alguns trabalhadores receberam o dinheiro devido mas há ainda um grupo à espera do acerto", disse agora à noite um dos trabalhadores atingidos pela medida.

A empresa teria alegado problemas na liberação de um empréstimo bancário para dar "musculatura" ao empreendimento e um ritmo acelerado a obra. "Até mesmo os vigilantes foram demitidos", informa a fonte. A obra estava sendo tocada por cerca de 40 trabalhadores. Eles ainda não sabem quando poderão retornar as atividades. A empresa não se pronunciou a respeito da crise.

O prédio da Maternidade Santa Isabel, pertencente à Associação das Senhoras de Caridade de Ilhéus, foi arrematado em um leilão presencial para pagar salários atrasados dos servidores da instituição. O hospital fechou as portas após uma grande crise administrativa e financeira e a expectativa da cidade é de que o novo empreendimento seja decisivo para resolver os graves problemas da saúde municipal.

pompy wtryskowe|cheap huarache shoes| bombas inyeccion|cheap jordans|cheap air max| cheap sneaker cheap nfl jerseys|cheap air jordanscheap jordan shoes