Rio do Engenho faz festa para padroeira Senhora de Sant'Ana

Missa Solene precedida de alvorada festiva, procissões terrestre e fluvial, marcaram o encerramento dos festejos da padroeira Senhora Sant'Ana, ocorrido no último domingo (29), no Rio do Engenho, com a presença de autoridades municipais, secretários, vereadores e da comunidade local. Segunda igreja mais antiga do Brasil, o Santuário Senhora Sant'Ana, erguido em 1534, faz parte da Paróquia Nossa Senhora das Vitórias, sob coordenação da Diocese de Ilhéus.

Participaram da festividade, os secretários municipais de Planejamento e Desenvolvimento Sustentável, Alisson Mendonça; Turismo, Alcides Kruschewsky e Relações Institucionais, Sergio Sousa, além do superintendente de Ações Regionais, Angelito Dias. Presentes também os vereadores Jerbson Moraes, Gil Gomes, Paulo Santos (Meio Quilo) e Makrisi Angeli.  A comissão organizadora do evento foi composta por João César Andrade, Edmilson (Nicó), missionária Nalvinha e padre José Nilton Barbosa Lapa.

João César Andrade destaca que o evento é de grande importância para a preservação histórica de Ilhéus, pois a procissão da Senhora Sant'Ana acontece desde o século XVI. “Antigamente, a procissão era apenas fluvial. Partia de Ilhéus em direção ao Rio do Engenho, na época dos Jesuítas, quando eles foram proprietários do engenho que herdaram da condessa de Linhares, a filha do III Governador Geral do Brasil”, ressalta.

O coordenador do evento enfatiza ainda que os moradores fizeram um esforço para retomar a tradição, no ano passado. “Começamos com a criação da Sala de Leitura Gregório Luís, juntamente com a colônia de pescadores e conseguimos unir a comunidade para resgatar esse evento de tradição histórica, que estava esquecido”.