Projeto Jovem Social inicia curso profissionalizante para assistidos da SDS

Teve início nesta terça–feira, dia 3, a segunda turma do “Projeto Jovem Social: despertando potenciais para o mercado de trabalho” para assistidos dos programas da secretaria de Desenvolvimento Social (SDS) de Ilhéus.  Ao todo, a turma é composta por 60 alunos que participam do Centro de Referência Especializado da Assistência Social (Creas) Medidas, da rede de acolhimento e do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI).

O Projeto Jovem Social tem como objetivo promover aos jovens conhecimento técnico para incentivar o ingresso no mercado de trabalho de forma autônoma, rentável e segura. Esse semestre foi dividido em seis módulos, com aulas de acompanhamento psicossocial; social; curso eletrônico; informática básica e saber virtual; cabelereiro (escova e corte masculino); iniciação à fotografia; produção artesanal de sabonetes e programa nacional de resistência às drogas. A previsão é que a turma seja formada no próximo mês de dezembro.

O curso é em nível profissionalizante, com direito a certificado, realizado mediante parceria entre a Prefeitura de Ilhéus, através da Secretaria de Desenvolvimento Social (SDS), o Ministério Público do Trabalho (MPT) na Bahia, Ministério Público do Estado, Centro de Integração Empresa-Escola (Ciee) e apoio da Associação Padre Paulo Tonucci, responsável pela realização do curso.

A aula inaugural do curso ocorreu no último dia 26, com a presença de psicólogo, assistente social, alunos e seus familiares, para apresentação da equipe e mostrar a importância do projeto para os jovens. Também contou com as presenças promotora de Justiça, Dra. Maria Amélia, da gestora da alta complexidade da SDS, Daniela Hoisel, e da média complexidade, Iraildes Belmonte, e as coordenadoras do Creas Medidas, Mara Borges, e do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, Paula Alfaya.

Primeira Turma – No final do mês de maio último, foi realizada a formatura da primeira turma do Projeto Jovem Social. Ao todo, 42 jovens receberam os certificados de conclusão. Os alunos participaram dos cursos profissionalizantes de Iniciação à fotografia; Informática Básica; Cabeleireiro, Corte e Escova e Produção Artesanal de Sabão e Sabonete, totalizando quatro cursos com 800 horas aula.