Adolescentes da Rede de Acolhimento e do Creas participam de concurso de fotos

De seiscentas imagens feitas pelos adolescentes da Rede de Acolhimento e do Creas, dezenove foram selecionadas para chegar às três fotografias vencedoras de concurso de fotografia na Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social de Ilhéus. Uma comissão formada pelo vice–prefeito e fotógrafo, Jozé Nazal Pacheco e pelos jornalistas Meire Borges e Victor Kruschewsky realizou o julgamento das melhores fotos na tarde da última sexta-feira (27), no Ministério Público do Estado da Bahia, em Ilhéus. 

Dezoito adolescentes da Rede de Acolhimento e do Centro de Referência Especializado de Assistência Social - Medidas Socioeducativas (Creas/ Medidas), programas da Secretaria de Desenvolvimento Social de Ilhéus participaram do concurso de fotografia. Os vencedores serão conhecidos no dia 10 de maio, às 16 horas, no auditório da Justiça de Federal, durante a formatura e entrega dos certificados. Os três primeiros colocados serão premiados.

“Fiquei muito feliz em conhecer esse projeto, me surpreendi com as fotografias que vi aqui, percebemos o talento que estava dormindo dentro de cada um desses jovens. Com esse estímulo e essa capacitação que foi realizada, com certeza vários talentos serão vistos futuramente trabalhando”, ressalta o vice–prefeito, José Nazal.

Projeto Jovem Social – O projeto de educação profissional para jovens em estado de vulnerabilidade social visa ampliar as oportunidades no mercado de trabalho por meio de capacitação técnica, potencializar as habilidades, estimulando o empreendedorismo e a geração de renda.

Num total, 38 adolescentes participaram dos cursos profissionalizantes de Iniciação a fotografia; Informática Básica; Cabeleireiro, Corte e Escova e Produção Artesanal de Sabão e Sabonete. Totalizando quatro cursos com 800 horas aula.

“Deixamos livre a participação dos adolescentes no concurso de fotografia. Dos trinta e oito, vinte e sete participaram. Todos os cursos ofertados visam promover o conhecimento técnico para que eles possam iniciar no mercado de trabalho de forma autônoma, rentável e segura”, destaca o psicólogo da Tonucci, Miguel dos Santos.

O Projeto Jovem Social é uma parceria do Ministério Público Estadual, Ministério Público do Trabalho, Associação Padre Paulo Tonucci, Prefeitura de Ilhéus e Secretaria de Desenvolvimento Social.