Evento de moda destaca o novo momento do varejo

A preocupação com as questões sociais e ambientais são alguns dos valores que estão em evidência no varejo de moda no Brasil e no mundo. A tendência foi apresentada pela diretora de marketing do Instituto Brasileiro de Moda (Ibmoda), Luciane Robic, no Encontro com o Especialista, do Sebrae, voltado para empresários e colaboradores do setor e realizado nesta terça-feira, 27, em Itabuna.

De acordo com Luciane, as relações econômicas e sociais estão desenvolvendo um novo comportamento no consumidor, com novas ideias de consumo. “Com a crise, a gente começou a ter a consciência financeira sobre o quanto aquela roupa vai fazer diferença no guarda-roupa, e depois uma questão de consciência ambiental, pois a moda também é um dos mercados que mais polui”, relatou.

Esses aspectos, aliados à influência do comércio eletrônico, que, de acordo com o Ibmoda, lidera o número de pedidos de moda e acessórios no país, chamou a atenção dos empresários para a necessidade de investir em novas estratégias de atração do público consumidor. A dica da especialista para atender a esse novo modelo de consumo está na busca por capacitação e renovação de conceitos, visando agregar novos valores ao empreendimento.

Pensando nisso, o Sebrae, através do programa Sebrae Conecta, busca especialistas no segmento para ajudar o micro e pequeno empreendedor a desenvolver os seus negócios. De acordo com o gerente adjunto do Sebrae em Ilhéus, Michel Lima, “o mercado dá sinais evidentes de que o profissional precisa se capacitar e estar atualizado com as inovações e tendências do setor, para que ele possa manter o seu negócio”.

Ao longo da palestra, Luciane apresentou dados do Ibmoda, que aponta redução de 8,6% na aquisição de peças, em volume de vestuário, em contrapartida ao aumento de 9,9% de agregação de valor aos itens. Além disso, mostrou a liderança do varejo físico, com a distribuição de 92,5% das roupas consumidas no país, e o comando das lojas independentes multimarcas, que ainda são os principais canais de varejo no Brasil.

Para Paulo Costa, gestor de lojas multimarcas de moda em Itabuna, o mercado está em mudança e o profissional precisa sempre se reinventar para acompanhar. “As pessoas estão no período de repensar no que vão gastar, repensar a qualidade de vida. Estamos vivenciando uma mudança de comportamento, por isso, buscamos sempre implementar estratégias diferentes”, declarou o empresário.