FMT se destaca no Simpósio do Crefito 7 com 11 trabalhos científicos

Os alunos dos colegiados de Fisioterapia e Enfermagem da Faculdade Madre Thaís (FMT) apresentaram 11 trabalhos científicos no “Simpofisio 7”. O evento científico foi promovido pelo Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional, (CREFITO), em Itabuna, no dia 11, sob a orientação dos professores Gracielle Santos, e Renato Barreto.

Nos “Simpofisio 7” os alunos apresentaram artigos originais com temas que versaram sobre Saúde Pública e perpassaram sobre Neurologia, Geriatria, Ortopedia dentre outros, muitos deles frutos dos Projetos de Extensão PROREABIH (Programa de Orientações e Reabilitação de Incapacidades em Hansênicos) e PRODEVI (Programa de Orientação e Reabilitação para Deficientes Visuais) cujos responsáveis são os docentes Gracielle Santos e Renato Barreto.

De acordo com a professora Gracielle Santos  “a FMT vem inovando sua prática pedagógica à medida que estimula a Iniciação Científica de seus alunos desde o primeiro semestre, fomentando pesquisas práticas através de situações problematizadoras junto à comunidade buscando soluções aliadas à evidências cientificas”.

O professor Renato Barreto acrescenta que “a pesquisa, extensão e ensino devem caminhar juntos nas instituições de ensino superior, desta maneira, na FMT, buscamos estimular nossos estudantes em todas as formas de aprendizagem, a fim de forma-los melhores profissionais que exerçam seu papel com perfeição perante a comunidade”. Segundo o presidente do Crefito 7, Cleber Sady “os docentes da FMT estão de parabéns à medida que estimulam e conduzem  tão bem seus estudantes à produção científica”.

As coordenadoras dos cursos de Fisioterapia e Enfermagem, Karla Gresik e Sara Tannus, são apoiadoras dos projetos de extensão e iniciação científica e corroboram que os discentes da FMT sabem da importância do seu papel social, e por isso se engajam em pesquisas que reforçam as práticas baseadas em evidências.