Trailers na Lomanto Júnior começam a Cumprir acordo com Prefeitura

Quem passa pela avenida Lomanto Júnior, no trecho onde ficavam permanentemente instalados trailers de alimentação, encontrA um cenário diferente e revelador: a baia do Pontal podendo ser contemplada por quem passa pelo outro lado da rua.

Os reboques passaram a estacionar naquela região da zona sul apenas das 17 horas à meia noite, podendo ser estendido por mais um tempo no período da alta estação. Mas, acabou o trabalho do dia, os trailers são removidos até o horário de funcionamento do dia seguinte. Esse é o acordo estabelecido entre os donos dos empreendimentos e as secretarias municipais de Planejamento e Desenvolvimento Sustentável (Seplandes) e de Indústria e Comércio (Sedic).

“Esta é a vitória do diálogo franco”, definiu o secretário de Indústria e Comércio (Sedic), Paulo Sérgio Santos. Segundo o titular da Sedic, a iniciativa visa permitir que durante o dia, a baía do Pontal volte a ser valorizada sem a barreira causada pelos equipamentos. O acordo também definiu regras como limpeza do local e a requalificação da praça existente na área, com o apoio dos próprios comerciantes. “A meta é garantir as oportunidades de negócio e a geração de emprego, mas criando condições que garantam o bem estar da coletividade”, afirmou Paulo Sérgio.

Retirada – Ontem à tarde, fiscais da Seplandes notificaram um trailer instalado irregularmente na praça São João, também no Pontal. Caso o mesmo não seja retirado do local, o equipamento será apreendido e, o responsável, multado, de acordo com Murilo Silva Alves, chefe da fiscalização. A Prefeitura assegura que está atenta às novas investidas de trailers de alimentação na cidade, em função da proximidade da alta temporada, e não permitirá a ocupação irregular de espaços públicos.