Jovem tem devolvido dinheiro esquecido em ônibus e relata: os bons estão vivos

Sávio e Seilma e o desejo de encontrar seu anjo-da-guarda
Facebook

Nem tudo está perdido neste País cada vez menos inspirador. Sávio Leal Oliveira, estudante universitário de Ilhéus, que o diga. Na última quarta-feira, às 22 horas, ele esqueceu na poltrona do coletivo, quando retornava para casa, a carteira contendo dinheiro (uma quantia significativa, segundo relata nas redes sociais), cartões de crédito, documentos pessoais e da faculdade.

Ao chegar em casa, a triste descoberta. "Sem esperanças de encontrar, já me preocupava em como lidar com a ´perca´ desses documentos e na falta que esse dinheiro iria me fazer", assegura.

No entanto, para sua surpresa, no mesmo dia recebeu um telefonema. "Uma mulher entra em contato comigo pelo facebook para avisar que um "rapaz" tinha encontrado a carteira e devolvido na garagem da empresa. Agora há pouco, recebi de Seilma, cobradora da empresa São Miguel, a carteira com tudo que havia sido perdido. Fiquei feliz, na realidade em que vivemos, casos como esses são incomuns, o sentimento de gratidão deve ser obrigatório", escreveu.

Segundo Seilma, o "rapaz", que atuou muito mais como anjo-da-guarda de Sávio, é portador de deficiência física, anda rotineiramente no coletivo em que a mesma cobradora trabalha.

"Por reconhecimento, gratidão e apreço a este ser humano, deixei meu contato para que esse "rapaz" de nome desconhecido entre em contato comigo, pedirei que ele aceite metade da quantia que tinha na carteira. Não perdi e nem vou perder nada, ao contrário, ganhei esperança de que os bons estão vivos", escreveu Sávio, nas redes sociais, tornando públicos sua gratidão e admiração ao brasileiro que segue na contramão da recente história do seu país.

 

 

pompy wtryskowe|cheap huarache shoes| bombas inyeccion|cheap jordans|cheap air max| cheap sneaker cheap nfl jerseys|cheap air jordanscheap jordan shoes