PCdoB deve comandar a Secretaria de Turismo de Ilhéus; mas, dividido

Josenaldo, o nome que os cururus mantêm em segredo
Facebook

Ele não confirma. Diz que se o assunto está sendo tratado, a conversa vem acontecendo nas salas do diretório estadual do partido e ele ainda não teria, sequer, procurado. Mas "camaradas" de partido garantem: Josenaldo Cerqueira, ex-presidente do diretório municipal do PCdoB em Itabuna e pessoa ligada ao deputado Davidson Magalhães, é o novo indicado do partido ao prefeito de Ilhéus, Jabes Ribeiro, para ocupar a titularidade da secretaria municipal de Turismo. A assunto foi tratado hoje, em primeira mão, pelo blog Agravo. O cargo está vago há seis meses e, nos últimos dias, teria avançado a negociação entre o prefeito e Davidson, que são cunhados, e o PCdoB, que já ocupa a secretaria de Educação, ganharia mais musculatura na gestão municipal.

"Não estou sabendo de nada", garantiu ao JBO, Josenaldo Cerqueira, atribuindo o "boato" a um vereador da sigla. O fato é que o PCdoB em Ilhéus está dividido. De um lado, Davidson Magalhães, que é influente no partido, em busca de novos espaços, contando com o apoio dos dois vereadores da base, Doutor Jó e Nerival. Do outro, o presdidente do diretório municipal, sindicalista Rodrigo Cardoso, se posicionando com críticas fortes contra o atual prefeito, Jabes Ribeiro. Hoje mesmo, ao ser procurado pelo JBO, Rodrigo disparou mais uma: "nem se o prefeito levantasse da cadeira e a oferecesse ao partido compensaria o desgaste que estamos sofrendo em permanecer na base de apoio de uma gestão tão ruim para o povo de Ilhéus", revelou.

Rodrigo, inclusive, nega que o PCdoB esteja ocupando a Secretaria de Educação, sob o comando de Marlúcia Rocha. "Apesar de ter indicado a secretária, ela nunca seguiu orientações partidárias, o que é comum no governo centralizador de Jabes, que colocou a secretaria sob a tutela do irmão. Todas as mudanças na gestão sugeridas pelo Partido foram ignoradas, e, ainda no primeiro ano do governo, anunciamos publicamente que não tínhamos mais relações políticas com a secretária", disse ao JBO hoje no final da manhã.

De acordo com Rodrigo, pior ainda seria assumir uma outra secretaria que não realizou, por determinação do prefeito, esse ano, o que talvez tenha sido a única ação do governo bem avaliada pela população, o "Aleluia Ilhéus". "Em um ano de aperto fiscal em todos os entes da Federação, recursos para a área do Turismo serão escassos e o tempo que resta para, felizmente, terminar essa gestão, não seria suficiente para o desenvolvimento de uma política pública com alguma consistência nesse setor. Na minha opinião, seria só pra dizer que indicou o secretário, o que está muito longe do que o Partido defende enquanto concepção política que tem responsabilidade com o interesse público", afirmou.

O JBO apurou que o presidente do PCdoB estaria em conflito com a base aliada que não gostaria de perder cargos, já que, na eleição do ano que vem, o próprio Rodrigo estaria decidido a disputar uma vaga na Câmara. Além de presidente do PCdoB, Rodrigo conta com uma forte base, já que comanda o Sindicato dos Bancários de Ilhéus, e, nas urnas, poderia desbancar quem, hoje, ocupa uma cadeira no Plenário Gilberto Fialho, da Câmara Municipal de Ilhéus.

 

pompy wtryskowe|cheap huarache shoes| bombas inyeccion|cheap jordans|cheap air max| cheap sneaker cheap nfl jerseys|cheap air jordanscheap jordan shoes