Cidade
Península de Maraú ganha o primeiro Polo de Informações Turísticas
Uma das áreas truísticas da Bahia mas valorizadas

Crédito: Arquivo

 

A população da península de Maraú já conta com uma importante ferramenta que vai ajudar no desenvolvimento da educação profissional e do turismo na região. Trata-se do Polo de Informações Turísticas da Península de Maraú, do Centro Territorial de Educação Profissional do Litoral Sul (Cetep).

 

Este é o primeiro dos quatro polos a serem instalados no território, antes do verão, pela Secretaria da Educação do Estado. Os demais funcionarão nos povoados de Tremembé, Caubi e Saquira. Nos polos, os estudantes do curso técnico em guia de turismo irão recepcionar os visitantes de todas as partes do Brasil e de outros países interessados em conhecer as atrações culturais, históricas, arquitetônicas e, sobretudo, as belezas naturais da cidade que já foi chamada de Mayrahú e habitada pelos índios Mayra.

 

Localização - O polo funcionará na Associação dos Amigos da Península de Maraú, localizada na Avenida Beira Mar, nº 5, Centro. O local é estratégico e dotado de infraestrutura para o atendimento ao turista. Os estudantes distribuirão materiais, como folders que ajudam a contar a história da península e que foram elaborados por eles em sala de aula. Há detalhes sobre a cidade, como, por exemplo, a origem da Paróquia São Sebastião, construída em 1915, e roteiros turísticos alternativos, como trilhas ecológicas que levam a lindas cachoeiras.

 

A estudante do 4º curso técnico em Guia de Turismo, Daniele Figueredo, 18 anos, está entusiasmada. "Meu coração está a mil. É um projeto que visa aprimorar o turismo em atuação no polo que vai valorizar a nossa cidade. Daremos orientações sobre trilhas e serviços, falaremos sobre a história da península, das manifestações culturais. Vamos indicar, também, os atrativos naturais e culturais. Vai ser muito bom", disse.

 

Atendimento - Orientados por professores, os grupos de quatro a seis estudantes se revezarão no atendimento aos turistas de domingo a domingo, das 7h30 às 20h, no Polo de Maraú e de domingo a domingo, das 8 às 18h, nos polos dos povoados. Cada turma permanecerá nos polos por quatro horas.

 

Estudantes agregam conhecimento e prática - A vice-diretora do Cetep Litoral Sul, Edinete de Oliveira, disse que a atividade é caracterizada como um estágio social. “O estágio é um componente curricular que coloca o estudante em contato direto com a realidade do mundo do trabalho e possibilita que o estudante desenvolva habilidades e atitudes necessárias para agregar conhecimentos e práticas, exercitar a autonomia e emancipação, socializar e refletir sobre a relação dialética estabelecida entre teoria e prática”.

O professor-orientador, Marcílio Góes, ressalta que está sendo firmada uma parceria com a Secretaria de Cultura de Maraú. “Nossos estudantes já estão em parceria com a Secretaria de Cultura, desenvolvendo uma agenda cultural que será disponibilizada em pousadas e restaurantes. A ideia é que os turistas tenham acesso a todos os eventos que vão acontecer na cidade ao longo do ano, como as manifestações culturais, a exemplo do Cocumbi, da caipora e dos mascarados”.

Góes diz que, atualmente, os visitantes estão restringidos a observar apenas as belezas da cidade, sem conhecimento histórico e que, com os polos, os turistas terão as informações por meio de estudantes bem qualificados e preparados para isso.


Uma das áreas truísticas da Bahia mas valorizadas

Crédito: Arquivo

 
Mais Notícias
   14/12/2017 - Itacaré realiza sinalização da Praia da Concha
   13/12/2017 - Acadêmicos de Gastronomia encerram disciplina com almoço e jantar
   12/12/2017 - Estudantes da FMT têm aula de campo em aldeia indígena em Porto Seguro
   9/12/2017 - FMT permite agendamento de data para o vestibular
   5/12/2017 - Feira da Praça de Itacaré abre nesta 5ª a temporada de verão
   5/12/2017 - FMT reúne parceiros para informar sobre a prevenção ao câncer da pele
   28/11/2017 - Seminário em Itacaré discutiu importância do ordenamento da atividade turística
   28/11/2017 - FMT vai informar sobre a prevenção ao câncer da pele
   23/11/2017 - Projeto de formação identitária afro-brasileira leva Ubaitaba a simpósio
   23/11/2017 - FMT se destaca no Simpósio do Crefito 7 com 11 trabalhos científicos
   21/11/2017 - Projeto recupera fachadas e pinturas no Quilombo Porto de Trás, em Itacaré
   21/11/2017 - FMT leva Feira de Neurociências para o Colégio Nossa Senhora da Piedade
   21/11/2017 - Reitora da UESC assina protocolo de intenção durante o Fórum Cacau 2035
   20/11/2017 - CDLs do Sul da Bahia têm novo presidente
   20/11/2017 - Caravana da Música compartilha arte, cultura e informações em Itacaré
   19/11/2017 - Vestibular da FMT oferece 890 vagas para 13 cursos de graduação
   13/11/2017 - FMT marcou presença no Congresso Brasileiro de Prevenção e Tratamento de Feridas
   7/11/2017 - Gincana revela talentos, empreendedorismo e inovação na Faculdade Madre Thaís
   7/11/2017 - Júri Simulado reúne estudantes de Direito no Fórum de Ilhéus
   1/11/2017 - Palestra da FMT aborda patrimônio cultural e economia criativa



© Jornal Bahia Online | Todos os direitos reservados.   Layout