Economia
Agricultura familiar responsável por 90 por cento da produção de graviola na Ba
produção ganha forte ritmo no estado

Crédito: Arquivo

 

O fruto da graviola está presente na maioria dos pomares do sul da Bahia e desponta como um forte gerador de renda para os agricultores familiares que, incentivados pela Empresa Baiana de Desenvolvimento Agrícola (EBDA), vinculada à Secretaria da Agricultura, Irrigação e Reforma Agrária (Seagri), vêm apostando nesta cultura.

Com 1.300 hectares plantados e produtividade de 15 toneladas por ano, a região é responsável por 85% da produção brasileira de graviola, sendo 90% oriunda da agricultura familiar. O município de Wenceslau Guimarães, localizado no Território de Identidade Baixo Sul, é o maior produtor do fruto, com 510 hectares plantados, seguido de Presidente Tancredo Neves, Ibirapitanga e Una.

De acordo com o coordenador regional de fruticultura da EBDA, Sândalo Marcos Barreto, a empresa orienta os produtores e realiza visitas técnicas às áreas da produção, além de treinamento e capacitação para agricultores familiares e assentados de reforma agrária. “O interessante da graviola é o fato de que é possível obter renda satisfatória em pequenas áreas plantadas”.

A proposta da EBDA é formar pequenos grupos de produtores de graviola em diferentes municípios da região e oferecer acompanhamento mais sistemático, com visitas periódicas. “Esse trabalho vai fazer das propriedades assistidas vitrines para que outros agricultores próximos acreditem nas tecnologias repassadas pela empresa”, afirma Barreto.

Ele acrescenta que outro objetivo da EBDA é formar o agricultor multiplicador, selecionando aqueles que têm mais facilidade de absorção de informação para repassar os conhecimentos técnicos aos agricultores da comunidade.

Ainda segundo Barreto a comercialização no sul é feita quase 100% do produto in natura, com a venda da massa da graviola para as fábricas. “Pretende-se mudar essa realidade, organizando e incentivando o agricultor a beneficiar o produto, com o fabrico de sorvete, frutas cristalizadas e polpa”.

Seminário - Para promover o debate sobre o assunto, o engenheiro agrônomo Sândalo Marcos Barreto participa do seminário ‘Viabilização Econômica da Graviola’, que acontecerá no município de Gandu, nesta quinta-feira (12), no auditório do antigo Colégio Modelo.

O evento será realizado pela Comissão Executiva do Plano da Lavoura Cacaueira (Ceplac) e reunirá produtores de graviola e técnicos que atuam na fruticultura. A programação do evento informa que o público participará de três palestras – ‘Perspectivas de Mercado da Graviola’, ‘Qualidade da Massa da Graviola para Comercialização’ e ‘Novas Técnicas de Manejo para a Alta Produtividade da Graviola’.


produção ganha forte ritmo no estado

Crédito: Arquivo

 
Mais Notícias
   25/5/2018 - Projeto Inova Jovem certifica e estimula alunos ao empreendedorismo
   23/5/2018 - Sebrae alerta para prazo da Declaração Anual do MEI
   18/5/2018 - Semana do MEI atrai mais de 350 pessoas em Itabuna e Ilhéus
   18/5/2018 - Empresário ilheense faz palestra sobre cacau e chocolate em Pelotas
   14/5/2018 - Começa a Semana do MEI
   11/5/2018 - Nibs apresenta possibilidades para empreender e inovar
   9/5/2018 - Seis municípios do Sul da Bahia têm mais de 600 vagas de capacitação
   9/5/2018 - Sebrae Bahia assina acordo de cooperação para o Projeto Fortalecer Municípios
   8/5/2018 - Sebrae promove palestras e capacitações gratuitas na Nibs em Ilhéus
   2/5/2018 - Ilhéus adere à Semana do MEI com palestras e Sala Itinerante em bairros
   2/5/2018 - Malhado recebe Festival Internacional de Gastronomia, Sabores e Arte
   26/4/2018 - Câmara aprova renegociação de dívida de Ilhéus com a Embasa
   25/4/2018 - Semana do MEI oferece mais de 600 vagas de capacitações no Sul da Bahia
   20/4/2018 - Ilhéus monta estratégia para auxiliar MEI na Declaração Anual do Simples
   20/4/2018 - Ilhéus passa a gerir seu Distrito Industrial
   16/4/2018 - Ilhéus sedia Festival Internacional de Gastronomia e Artes
   12/4/2018 - Empretec abre inscrições para turmas em Itabuna e Ilhéus
   9/4/2018 - Micro e pequenas empresas podem refinanciar dívidas tributárias em até 180 meses
   4/4/2018 - Cursos promovem aprimoramento dos negócios em Itabuna e Ilhéus
   31/3/2018 - Evento de moda destaca o novo momento do varejo



© Jornal Bahia Online | Todos os direitos reservados.   Layout